0

Seu compromisso está de pé?!


Meditando no texto bíblico João 21. 15-22, fiquei pensando: Quantas vezes nos o importamos tanto com a vida dos outros, como Pedro, que após dizer ao Mestre: Tu sabes que te amo!Perguntou e com João, o que vai acontecer?!Pra que saber de João, Jesus disse que te importa?! Tu vem e segue-me!
Então, pra que saber dos planos de Deus na vida dos outros, quando não estamos assumindo o nosso compromisso com o Mestre!Aquele compromisso que fizemos quando o aceitamos como Senhor e Salvador!
Você querido(a), vem segue o Mestre, faça tudo que Ele mandar, não tire a mão do arado, não queira que todo mundo faça o que você faz, pois, cada um tem uma chamada específica, não aconteceu com Pedro o mesmo que aconteceu com João, aconteceu?! Claro que não.
Orfa decidiu voltar, mas, Rute foi com Noemi;
Marta, ao invés de servir com alegria, criticou a adoração de Maria;
O irmão mais velho do filho pródigo achou exagero festejar a volta do irmão mais novo, os trabalhadores da parábola da vinha achou injusto que os últimos recebessem igual aos primeiros, está vendo como somos tendenciosos a querer saber do compromisso dos outros, ao invés de cumprir com os nossos?!
O que foi que em oração, você prometeu a Jesus?Seu compromisso permanecem de pé?!Estamos terminando o segundo mês de 2012, o que temos feito para o Mestre?!
Pare de olhar a vida de João, quanto a ele, o que vai acontecer, é com Deus, tu ,porém, vem e segue-me, disse Jesus.Segue-me, sem olhar pra trás, sem preocupar-se com o amanhã, basta a cada dia, o seu mal, segue-me e te farei pescador de homens, segue-me e glorificarei meu nome em tua vida!
     Você foi chamado pra servir, qual a sua escolha: Abandonar- João 6. 66-67
                                                                                       ou servir - João 6.68?!
      "Servi ao Senhor com alegria!"  
2

CAFÉ COM JESUS LEGENDADO

Mães terão que ver seus bebês antes de fazer um aborto no Texas

Mães terão que ver seus bebês antes de fazer um aborto no Texas

Quanto custa?

                                                                        
Vi uma menina vestindo um casaquinho tão lindo!!! Fiquei encantada. Queria um daquele, procurei no comércio, encontrei, custava R$ 80,00. Achei caro. Não comprei. Outro dia estava olhando as fotos de algumas atrizes na revista, belos corpos, sem um grama de gordura, barriga completamente sarada, queria ter uma barriga assim. Continuei lendo a reportagem, descobri que elas gastam em torno de 3h por dia de academia. Achei muito. Desisti. Vou ficar com a minha barriga mesmo!
Assim, me lembrei que para todo desejo ser satisfeito há um preço a ser pago, o problema está se estamos dispostos ou não a pagar R$ 80,00 em uma blusa ou gastar 3 horas de academia para ter o que desejamos.
Na vida espiritual acontece o mesmo. Posso achar maravilhoso o modo como A ou B louvam, mas estou disposta a fazer aula de música, ensaiar, não comer certos alimentos, ouvir centenas de CDs, etc. Ou a ministração da Palavra por Fulano, é perfeita, ocorre que muitas de suas madrugadas são comprometidas estudando enciclopédias e dicionários. Ficaria acordada também?
E o que dizer daquela pessoa que praticamente ouve Deus tão bem quanto o som da televisão? ela muito provavelmente não gasta tanto tempo quanto eu na frente da TV, antes o utiliza em oração. Menos entretenimento é o preço para mais Comunhão. Como disse Cecília Meireles: Ou se calça a luva e não se põe o anel, ou se põe o anel e não se calça a luva. Não dá para ter o melhor dos dois mundos e nas palavras de Jesus: Não dá pra servir a dois senhores: porque há de amar a um e odiar o outro. (MT 6.24)
Essa escolha impede muitas pessoas de virem à Cristo. Não é que elas não queiram a alegria que existe na vida do cristão, a paz, o brilho, a proteção. Mas consideram o preço para obtê-los, alto demais. É a pergunta do Jovem Rico sendo feita novamente: Bom Mestre, que bem farei para conseguir a vida eterna? Que mais preciso fazer? E disse Jesus: Se quiseres ser perfeito, vai vende tudo o que tem, dê o dinheiro aos pobres e terás um tesouro nos céus. Depois disso venha e siga-me. Mas quando o jovem ouviu isso foi embora muito triste, porque era muito rico (MT 19.16 e 20-22). Esse era um preço que ele não estava disposto a pagar no momento. Entre Jesus e suas posses, momentaneamente, ele escolhia as posses.
Não é atoa que Jesus diz no Livro de Lucas 9.23: Se alguém quer vir após mim, negue- se a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me. Pois há um preço a ser pago.
Mas para aqueles que agindo por pura fé, para aqueles que conseguiram dar um passo em direção a Jesus, imitando aquele homem que achou um tesouro escondido no campo, foi e vendeu tudo o que tinha para comprá-lo (MT 13.44), para esses, a  conclusão está nas palavras de Paulo: “Entretanto todas as coisas que eu antigamente julgava muito valiosas, agora lançei-as todas fora, afim de poder colocar minha confiança e esperança somente em Cristo. Sim, todas as outras coisas perdem o valor quando comparadas com o ganho inestimável de conhecer a Cristo Jesus, meu Senhor. Eu pus de lado tudo o mais, achando que valia menos do que nada”. (FP 3.7-8, Bíblia Viva)
                         
Mesmo pagando R$ 80,00 na blusa, um dia ela iria se estragar. As 3horas de academia não iriam impedir o envelhecimento, mas o preço pago pela vida eterna, não tem comparação: Por que eu estou certo, de que aquilo que sofremos agora é insignificante, se compararmos com a glória que ele nos dará mais tarde! (Rm 8.18. Bíblia Viva)

 O que Ele está lhe pedindo? Está disposto a pagar?



4

O que é Banzo?

     Você sabe o que é ?! ainda hoje se discute o significado desta palavra. O mais aceito tem uma remota origem africana, equivalendo a pensar ou meditar. O termo também há tempos designou uma doença.Em 1799, por exemplo, Luíz Antonio de Oliveira Mendes apresentou, na Academia de Ciências de Lisboa, um estudo sobre as doenças agudas e crônicas que mais acometiam os africanos , retirados da África para serem escravos no Brasil. O banzo esava entre eles. Quais os sintomas? Os escravos ficavam entristecidos e, paravam de falar, acima de tudo deixavam de se alimentar, mesmo que lhes oferecessem as melhores comidas do Brasil ou da África, fato que os conduzia a falência!
     Quem não ficaria triste, sendo vendido como mercadorias em feiras? E ainda eram comprados separados dos seus familiares.Que banzo!
     Há muito quero falar sobre o assunto e fiquei resistindo, pois não é fácil comentar sobre algo tão "pesado", o banzo que os escravos sentiam, e, fazer um paralelo com o que temos vivido hoje em nossa sociedade, a tristeza. Tristeza essa que tem conduzido algumas pessoas a depressão e outras a um extremo terrível o suicídio.
     Não estou falando da tristeza como um fato comum da vida, pois, José entristeceu-se ao perder Raquel, sua esposa(Gn48.7), Ana vivia triste por causa da esterilidade(I Sm 1.15), afinal no mundo teremos aflições, não é?!
     Queremos falar da tristeza que leva-nos ao desânimo, falta de vontade de viver, essa não é uma tristeza que nos aproxima de Deus, ao contrário perdemos o ânimo até para orar, aumentando ainda mais a tristeza nos conduzindo a depressão.
     Não sou nem uma especialista, não sou psicóloga, mas quero compartilhar com você uma palavra de estímulo: Não se entregue a essa tristeza, não isole-se, não fuja das pessoas, não deixe de realizar as suas atividades diárias, levante-se desta cama, saia deste quarto!
     Não isole-se, visite um asilo, um hospital, um amigo, não guarde mágoas, libere o perdão! O melhor de Deus pra sua vida está por vir!!! Essa tristeza não pode te conduzir,alegre o seu coração, você já sorriu hoje?! Aproveite agora, sorria! Já abraçou alguém hoje?! Faça isso agora!
     Acredite que 2012 será um ano de alegria!Você vai vencer, pois quem confia naquele que venceu o mundo(JESUS), será mais que vencedor!Quero complementar esta reflexão te convidando a assistir este vídeo:
                                                       

Comentários recentes

Conheça a história da Assembléia de Deus de Sergipe



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
A MULHER SEGUNDO CORAÇÃO DE DEUS!