0

Domine sobre...

*Agradeço a minha amiga e já colaboradora Denise por confiar a postagem dos seu maravilhosos textos no meu blog, Deus continue te usando e através de sua vida despertando outras que até já solicitei!!!
Interessante notar que o plano original de Deus não comportava dominação de homem sobre homem. Muito pelo contrário, trazendo de volta o 'sentido completo' do que Deus-Pai tinha em mente quando da criação do humanidade, o próprio Jesus afirma que: “Qualquer entre vós que quiser ser grande, seja esse quem vos sirva” Mt. 20.26.
O livro de Gênesis é para nós uma espécie de Projeto Original de Construção. Com a definição da planta, estabelecimento dos componentes principais, seus locais de funcionamento, modo de utilização e pessoal responsável pelas tarefas. Os seja, o entendimento de quem somos e para que estamos aqui, recai sempre na análise do Gênesis – o início de todas as coisas. Pelo menos todas as coisas pela ótica de Deus.
Porque em matéria de memória humana, talvez nossas raízes recaiam em um tempo mais próximo, tipo, a data em que alguém gritou para outro: “Isso é meu!”, ou seja, o início da propriedade privada. Início da dominação humana sobre os animais, sobre a  plantação, sobre o céu e sobre o mar. Como previu o próprio Deus em Gn 1.26: “Deus disse: Façamos o homem à nossa imagem e segundo a nossa semelhança para que domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos e sobre toda a terra e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.”
Como a restauração começa dentro da própria casa, e nós seremos os primeiros a sermos julgados, é aqui - onde o Reino de Deus está, 'Entre nós' - que essa mentalidade de dominação homem-homem deve ser extirpada, sendo urgentemente substituída pela cultura do serviço ensinada por Jesus e que retrata o plano original.
Ocorre que não é isso que vemos na história da humanidade. Todos os lugares da terra estão contaminados pela mentalidade opressora, exemplos históricos não nos faltam, genocídio, racismo, extermínio das minorias, domínio do homem sobre o homem, em guerras, no mercado financeiro, na política, na igreja.
Sobre a inserção dessa mentalidade no seio da igreja já nos alertava o apóstolo Pedro falando dos falsos profetas em 2 Pe 2.1-3: “Haverá falsos profetas... que movidos por ganância, farão de vós negócio”, em outras traduções 'comércio'. É a expressão clara da coisificação do ser humano, manipulado em favor de outro.
Situação de dominação tão indesejada por Deus que quando da queda da grande Babilônia relatada no livro do Apocalipse, um dos motivos apontados é o comércio de todo tipo de coisa, inclusive 'Almas Humanas' (Ap 18.11-13).
Como se percebe a relação homem-natureza é uma relação de dominação, subordinação, enquanto que a relação homem-homem, preza-se pela igualdade, equilíbrio e respeito a dignidade do outro por esse outro também filho de Deus.
                                                                                      Denise Alves

0 comentários. Comente também!:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, volte sempre!

Comentários recentes

Conheça a história da Assembléia de Deus de Sergipe



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
A MULHER SEGUNDO CORAÇÃO DE DEUS!