PRIMÍCIAS DO MEU JARDIM(ELIUDE MARQUES)

    OS VERSOS QUE COMPUS, OS FIZ SORRINDO
   ENQUANTO A ALMA TRISTE SOLUÇAVA.
   FOI NUM VALE DE ANGÚSTIA QUE EU SONHAVA
   COM UM JARDIM QUE AOS POUCOS FOI   SURGINDO.

TANTAS FLORES,EU VI, FORAM SE ABRINDO,
E EM MEU CANTEIRO O AROMA SE ESPALHAVA.
MAS QUANTAS VEZES NO DESERTO INFINDO,
SONHO POR SONHO O ARDENTE SOL QUEIMAVA.

PELOS ESPINHOS CAMINHEI CHORANDO
E AS LÁGRIMAS EM FLORES TRANSFORMANDO,
HOJE CONTEMPLO UM ROSEIRAL. ENFIM,

OS CÉUS SE ABRIRAM QUASE DERREPENTE
E ENVIANDO O ORVALHO CARECENTE,
DESABROCHARAM AS PRIMÍCIAS DO MEU JARDIM

(JABOATÃO, 18/9/1971)

Comentários recentes

Conheça a história da Assembléia de Deus de Sergipe



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
A MULHER SEGUNDO CORAÇÃO DE DEUS!